Alimentação orgânica por um mundo sustentável

Em uma manifestação pacífica e bem humorada, consumidores de alimentos orgânicos distribuem informação e sensibilizam a população durante a Conferência das Nações Unidas sobre o Desenvolvimento Sustentável, a Rio+20.

No dia 16 de junho em uma das laterais do Riocentro, local onde ocorrem as discussões políticas da conferência da ONU, os manifestantes se fantasiaram de porco, galinha, vaca, urso e distribuíram sanduíches sem agrotóxicos e sem ingredientes de origem animal, além de muita informação.

“A sustentabilidade está diretamente relacionada com o nosso modo de vida e com o que comemos todos os dias”, disse o médico peruano Oscar Viga Romero, vestido com a fantasia de urso, enquanto distribuía os panfletos. “É importante que as pessoas parem para pensar e percebam que só assim poderemos avançar e imaginar um mundo com qualidade de vida.”

O protesto deve permanecer até hoje, dia 22 de junho, de modo pacífico e sem fins políticos. O grupo que conta com aproximadamente 70 pessoas reúne diversas nacionalidades da América Latina dividos em dois grupos durante a Rio+20: um no Riocentro e o outro nos eventos paralelos.

“O que queremos é difundir a alimentação vegan. Esse é o nosso propósito”, destacou o médico peruano. “A alimentação vegan representa uma economia de 95% do consumo de energia em relação à produção e ao preparo de alimentos convencionais.

Fonte: Diário de Pernambuco

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

*