Trufas de Nozes e Amêndoas

As frutas oleaginosas como nozes a amêndoas são fontes de nutrientes e vitaminas super benéficas ao organismo. A melhor característica das nozes e amêndoas são os antioxidantes, capazes de aumentar a longevidade e resistência do organismo. Estas trufas de nozes a amêndoas além de deliciosas, são carregadas de nutrientes, vitaminas e minerais que melhoram nosso dia a dia.

Ingredientes

– 1 xicara de amêndoas
– 1/2 xicara de nozes pecan
– 6 tâmaras sem caroço
– 1/3 xicara de côco ralado
– 3 colheres de sopa de cacau em pó
– 1/2 colher de chá de extrato de baunilha
– 1 pitadinha de sal
– 1/2 xicara de amêndoas sem casca picadas para enrolar as trufas

Modo de preparo

Coloque as amêndoas de molho em água filtrada por mais ou menos 4 a 5 horas. Faça o mesmo com as nozes. Use recipientes de vidro para este processo. Tampe e conserve na geladeira.

Passado o tempo indicado para demolhar, escorra bem a agua conservando apenas o solido nos dois casos.

Comece processando as amêndoas e as nozes adicione as tâmaras uma a uma batendo sempre. Por ultimo adicione o coco e o cacau.

Processe até obter uma massa homogênea tendo o cuidado de não processar muito para conservar um pouco da crocância das nozes e amêndoas. Faça um teste. Pegue uma pequena porção da massa processada e veja se consegue modelar, se está bem agregada. Caso não estiver, adicione mais tâmaras até conseguir chegar ao ponto desejado. Uma tâmara a mais pode ser suficiente.

Remova esta mistura do processador e coloque em um prato fundo. Misture bem ate conseguir agregar os ingredientes na massa. Molde as bolinhas do tamanho desejado e passe nas amêndoas picadas colocadas em um prato separado. Depois disto coloque as trufas em um prato com tampa forrado com papel vegetal.

Cubra e conserve na geladeira. Elas se mantem fresquinhas por 3 ou 4 dias. Depois disto, se sobrar, você pode congelar por no máximo 30 dias.

Fonte: Veganana

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

*